Blog da PatSi


13/06/2007


SANTO ANTÔNIO

Sabe que de uns anos pra cá é que me dei conta que o Dia dos Namorados é justamente na véspera do dia de Santo Antônio, o nosso querido santo casamenteiro? Será que é de propósito? Quem estiver a par desta pequena pérola de Cultura Inútil, favor informar, ok?

Falando em pérola, a de hoje é a cronica "Meninas Casamenteiras", de autoria da jornalista e escritora Ana Lúcia Prôa. Como o nome já indica, relata uma experiência que ela e uma amiga tiveram com relação às simpatias associadas à data. A crônica está no blog dela, "De Vento em...Prôa!" (cujo link vcs podem encontrar aí ao lado, lá embaixo), no mês de abril (não estranhem, é abril mesmo!).

Pra quem quer boa leitura na aridez do trabalho ao computador, o blog dela é um verdadeiro oásis! Cliquem no link, salvem nos FAVORITOS, e bom proveito.

E nesse dia de Santo Antônio, parabéns pra quem já casou bem, e boa sorte pra quem quer casar...

Escrito por Patsi às 13h41
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

12/06/2007


NOVOS LINKS

Adicionei hoje dois links totalmente da hora.

Um é o CLICKÁRVORE, site no qual vc se cadastra  e, ao clicar, planta árvores gratuitamente, custeadas por um patrocinador. Vc tb pode acompanhar notícias sobre os projetos de reflorestamento no próprio site. Mole, mole, vc vai fazendo sua partezinha no trabalho contra o aquecimento global. Detalhe:quem deu o bizu foi a turma do Grupo 6 (correspondente ao C.A.) da escola dos meus filhos. Bacana, né, vai não participar???

O outro é o ALQUIMIA CULINÁRIA, espaço recém-inaugurado em Botafogo, cuja proposta é ser aquele restaurante personalizado com que você sempre sonhou. Você aluga o espaço pra cozinhar você mesmo, ou contratar um chef pra servir a comida que vc quiser, pra quem vc quiser. A minha parte do sonho é: primeiro comer. Depois, não ter que limpar a sujeirada que Mipibou (o alter-ego culinário do meu marido) costuma fazer. Bom demais!

Na sexta, 15/06, às 19h, tem uma aula gratuita lá. Quem vai ministrar o curso é JULIANA VENTURELLI, especialista em culinária vegetariana, cujo mérito é aliar costumes da cozinha brasileira tradicional aos princípios filosóficos e práticas da culinária indiana. O evento é patrocinado por nós, da VALE DAS FLORES, já que parte dos ingredientes serão a nossa linha de grãos e cereais VIDA INTEGRAL. Aos interessados, pedimos que se inscrevam pelo telefone ou e-mail do ALQUIMIA CULINÁRIA, garantindo sua vaga.

Por ora são essas as novidades.

E Feliz Dia dos Namorados pra quem tem, muito boa sorte pra quem quer ter!

Escrito por Patsi às 13h13
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

05/06/2007


OUTRO PITACO NO PARAÍSO

Primeiramente gostaria de elogiar a guinada que os autores deram em direção aos maravilhosos "personagens secundários". Seus intérpretes, a cada capítulo, só fazem aumentar o interesse pela trama. Todos os personagens principais são ótimos, com exceção da Taís, que vem melhorando, e da Paula, que piora a cada dia.

Taís vem ganhando vida em contraste com sua irmã "songamonga". Uma "heroína" desprovida não só de fibra, como de inteligência emocional. Só uma "songamonga" bateria de frente com o Antenor, que realmente não tem provas da armação de Olavo no hotel da Bahia, com tão pouca graça e vigor. Isso é burrice, não ingenuidade. Antenor agiu como qualquer empresário normal, e é incrível que uma heroína criada por Gilberto Braga & Cia. tenha esse perfil tão tapado. Mesmo nas cenas menos tensas ela continua insossa e inverossímil, destoando do elenco todo, inclusive as crianças!

Já estou a ponto de torcer pela separação do meloso casal, e pra Daniel ter uma parceira "do bem", que foi ingênua, mas não é tapada, ele poderia ficar com a Joana, que também teria o que merece. Essa sugestão é tão radical que até eu acho que é brincadeirinha, mas se colar vai ser melhor do que aturar essa "morena aguada" (como diria a Bebel) até o final.

No mais, PARABÉEEEEEEEEEEEEEEEENS!!!!

Escrito por Patsi às 15h04
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

29/05/2007


O DIA EM QUE ACORDEI VELHA

O dia em que acordei velha não foi na virada quando passei de 39 pra 40 anos.

O dia em que acordei velha foi anteontem, bem no meio dos meus 42.

Logo depois que abri os olhos começou a tocar na minha cabeça uma música do fim dos anos 60/começo dos 70, que eu ouvia na Mundial AM. Não me lembro nem da época nem da idade que tinha exatamente. Mas me lembro perfeitamente da atmosfera daqueles tempos e, pasmem!, senti saudades... Mas não foi só um curto momento de saudades, como os rápidos flashbacks que já tive, lembrando de algumas músicas e desenhos animados. É um climão que tá durando até agora!

Eu, que sempre achei uma chatice esse papo de ai-que-saudades-da-minha-infância-querida-que-os-tempos-não-trazem-mais, me encontrei subitamente nesse estado! Está de dar medo!

Mas vamos a um detalhe importante: não acordei com saudades de ser criança, repito, mas com saudades daquela atmosfera do começo dos anos 70. Com as atenções voltadas pros surpreendentes avanços tecnológicos da época (fita-cassete, video-tape, TV a cores, modelos arrojados de telefones coloridos, o homem na Lua, jatos supersônicos, as mulheres começando a usar calças compridas), o mundo prometia grandes esperanças. E, alheia às lutas políticas da época, o Brasil era o País do Futuro, e o futuro era o futebol da Seleção Canarinho.

Percebo, então, que essas saudades que estão perdurando são as saudades de acreditar que o futuro seria melhor. Hoje, quando não sou mais filha, porém mãe, sou cética, temo pelo aquecimento global, a violência, a falta de ética. Deploro tudo isso, que já havia quando eu era criança, mas ignorava.

Não só eu, que era criança, ignorava, mas muitos adultos também. Como o que o cérebro não vê, nenhuma parte do corpo sente, me parece que todos éramos mais felizes e confiantes. Mas tenho a nítida impressão que os anos de chumbo eram mais leves para todos os tolos ignorantes, alienados, desbundados e que tais. O milênio aquecido não é leve pra ninguém, nem pros mauricinhos e patricinhas, que vivem amedrontados desfilando seus objetos “de marca” dentro de carros blindados com ar-condicionado.

Sem o Túnel do Tempo não dá pra realmente saber como era. Fica só a impressão. Impressionada, foi assim que acordei no dia em que acordei velha.

Escrito por Patsi às 16h17
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

17/05/2007


PITACO NO PARAÍSO

Por absoluta falta de tempo, me limito a reproduzir abaixo o e-mail que mandei através do site da novela "Paraíso Tropical". Incomodam aquelas gêmeas tão insossas tomando o tempo de outros personagens e integrantes do elenco bem mais interessantes!

 E por hoje é só, pessoal!

Gostaria de parabenizar os autores por escreverem, finalmente, uma novela assistível e interessante! O curioso é que o mais interessante da novela são todos os personagens, de todos os núcleos, menos as gêmeas. Interessante delas é só o passado: a mãe transviada, a Amélia, o avô Isidoro, sobre os quais o espectador pouco sabe. Espero que as gêmeas apareçam cada vez menos e possamos ver mais dos "novatos" de Copacabana - Bebel, Jáder, Evaldo, Heloísa, Ivan e namorada - que estão ótimos, como também "os veteranos" - Ioná, Deise Lúcidi, Telma Reston, Carvana... E que pena que Rosamaria Murtinho fez apenas uma participação especial. Seria ótimo ela retornar pra botar mais lenha na fogueira dos "veteranos", seria muito divertido!

Tony Ramos e Renée de Vielmond estão com interpretações de arrepiar. Todos estão muito bem, os capítulos são curtos pra um elenco tão bom poder brilhar por igual! Por isso, lamento repetir a sugestão para que as gêmeas sejam esvaziadas ao máximo pra manter o interesse do espectador lá no alto. Com elas em cena, juntas ou separadas, não preciso esperar os comerciais pra ir beber água, por exemplo.

E mais uma vez agradeço a todos vocês por proporcionarem entretenimento de qualidade - e olha que eu assino SKY com HBO e tudo, tá?

Abraços,

Patricia Simoens

Escrito por Patsi às 12h47
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

08/05/2007


UM BLOG PARADO NO AR

Caraca, todos esses feriados e o extrato da conta tão acabando comigo! Trabalho, pagamentos e recebimentos, tudo atrasado! O ó!

Pra me animar só pensando na quinta-feira: segura na mão do coral e do Cuca e vai!

Bjs e inté...

Escrito por Patsi às 13h23
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

25/04/2007


RAPIDIM

Semana curta, muito trabalho, pouco tempo. Nesta semana não deve aparecer nada de novo no blog, ok, galera?

Escrito por Patsi às 15h08
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

24/04/2007


ÉEEEEEE CAMPEÃO !!!

            Pois é, né gente. O Botafogo tá realmente na fase do “correr pro abraço”, que beleza!

Foi realmente um presentão ver o Glorioso num jogo “normal” entre dois times, e não aquele circo, que foi um time contra dez jogadores e um palhaço. E, pra quem viu pela TV Globo, ainda por cima narrado por um profissional equilibrado, e não por um manancial de abobrinhas.

               Toda essa história do Gol Mil está sendo um nojento reflexo da vida pública neste país, onde os que deveriam ser os mais craques – artilheiros, juízes e desembargadores – são privilegiados em detrimento da coletividade, seja ela um time, seja ela os cidadãos. E tudo por dinheiro, claro!         

                Em jogos em que se mantém o espírito esportivo da competição - em que ganhar dinheiro é a conseqüência de um trabalho bem feito, com metas atingidas – o cidadão honesto se vê redimido e aliviado, quase nas nuvens. Talvez daí a fama de o futebol ser o ópio do povo. Mas observem que esse efeito também pode ser provocado por outros esportes – e em final feliz de filme e de novela também!

 No ano do Pan teremos muito em que nos espelhar, pra poder tocar a vida com mais esperança de que o esforço diário em direção aos nossos objetivos seja coroado de vitórias. A dedicação dos esportistas nos fará lembrar que nossa labuta e retidão também nos trará os louros. Também eles sobrevivem às falcatruas do Poder, à falta de recursos pra treinar, aos seus problemas pessoais... e chegam lá!

Nós, cidadãos honestos, podemos até nos sentir lesados, mas jamais derrotados. Um amigo meu que torce por outro time me disse que, no jogo contra o Vasco, o Botafogo entraria em campo meio que entregue pra acabar logo com aquilo tudo, e todos abandonarem o estádio pra tomar o chopp distribuído de graça por um patrocinador lá fora.

E o levantamento de caneco foi o da Taça Rio, no domingo.

                Boa semana!

Escrito por Patsi às 15h52
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

20/04/2007


FIM-DE-MAIS!!!

De cara pro fim-de-semana com um feriado na cola, o assunto é diversão. Toda sexta fico à cata de programas gratuitos, baratinhos ou promoções, a fim de entreter a família com o menor custo possível. Comentando isso com o pai de um amiguinho do meu filho, ele me deu a dica da “Sessão Família”. Em alguns cinemas você entra numa sessão que comece até as 13h55 e paga R$ 12,00 pela inteira e R$ 6,00 pela meia.

Foi assim que, depois de anos indo ao cinema no mínimo após as 16h, me vi entrando na sala escura com o sol ainda alto lá fora. Como nos tempos em que meu pai me levava à matinê do “Tom & Jerry” às 10h de domingo no Metro Copacabana.

(Caraca, eu amava ir ao Metro! Dessas investidas, tem três coisas de que mais me lembro. A primeira é o tapetão fofo na entrada do cinema. Tão fofo que parecia que a gente estava andando nas nuvens ou na superfície lunar... A segunda é o personagem da empregada da casa de Tom & Jerry. Só apareciam seus pés, e eu achava que o restante do corpo dela ficava lá pra cima. Eu sempre me abaixava pra ver, mas nunca consegui... E a terceira foi o episódio em que o Tom trazia os gatos da rua pra fazer uma festa em casa e rolava o maior som! Foi então que eu conheci o jazz e já gostei de cara...)

Mas, voltando pra família do presente, depois de assistirmos a “Uma Família do Futuro”, fomos almoçar num restaurante de frutos do mar nas redondezas. Baratinho não é, mas um prato alimenta bem nós quatro com qualidade. Vale a pena! Como ainda era cedo, em seguida eu e minha filha rebocamos os homens da casa pra praia. (Eles estavam com preguiça, com vontade de ir pra casa ver TV, é mole?) Já estávamos a meio caminho pra Grumari, fomos pegar um solzinho de fim-de-tarde. Areia limpa, água morna, verde nas montanhas... Relax total!

Quando o sol se pôs, voltamos pra casa pra tomar banho, jantar e ver a estréia de “Roma”. Foi ou não foi um domingão?

Dito isso, galera, fica o relato como sugestão de programa pro dia inteiro pra dias ensolarados que virão. Em caso de chuva, sugestões pra depois do almoço ficam pra outra oportunidade.

Mas atenção com as promoções oferecidas hoje em dia. Procurá-las nos jornais em si já pode vir a ser um bom divertimento. Tem um cinema que cobra às quintas, dos casais que derem um beijo apaixonado em frente ao guichê, R$ 10,00 pelo par de ingressos. Até onde a criatividade dos “inventores” de promoções quererá nos levar?

Bom fim-de-mais. Salve, Jorge!

Escrito por Patsi às 16h47
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

19/04/2007


EXPLICANDO OS LINKS

               Boa tarde!

               Ontem ficamos sem luz aqui e não deu tempo de atualizar o blog. Como o tempo continua curto, hoje vou apenas descrever a natureza dos links recém-incluídos. Eles ficam à sua direita na tela.

               O “Studio Surya de Yoga” é onde fiz a aula de Ashtanga. Fica na Rua das Laranjeiras. Mas, mesmo pra quem o local é distante, taí o link pra quem quiser saber maiores detalhes sobre diferentes práticas, como Hatha, Tantra, Power Yoga e Yoga Integral.

O “Amigas da Pracinha” é, como se auto-definem, “o portal de programação infantil na web”. Tem dicas de programas legais pra fazer no Rio e fora do Rio também; dicas pra festas infantis e de outros serviços como yoga, baby-sittter; compra, venda e troca de objetos usados; orientações sobre crianças especiais; promoções, entre outras coisas.

“Paraíso Tropical” é pra quem acompanha novela de Gilberto Braga que nem eu. Quando perco um capítulo, acesso o site pra ver o que aconteceu.

“Roma” é a mini-série que está em sua segunda temporada na HBO. Ma-ra-vi-lho-sa!!! É a super-produção aparentemente mais realista que tenho notícia sobre o Império. Quebra aquele verniz costumávamos a ver nos épicos de Hollywood de antigamente, sem mesmo chegar a mostrar toda a barbárie de que a Antigüidade Clássica era capaz.

Como o site da HBO Brasil é pobrinho, coloquei o link pro site oficial em inglês. Mesmo pra quem não sabe o idioma o suficiente, tem imagens lindas e downloads pra quem for fã a esse ponto.

            A “Agenda do Samba & Choro” tem MUITA, MUITA coisa para os admiradores desses estilos musicais. Notícias, casas com música, artistas, partituras, enfim...

            Esperando que esse links possam ser úteis, por hoje me despeço. E ainda nem falei do domingão passado, hein? Fica pra amanhã, amigos!

Escrito por Patsi às 14h19
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

17/04/2007


ENQUETE

Gente, aqui no trabalho o tempo continua apertado!

Enquanto o tempo está curto pra botar mais textos no ar, gostariam que vocês respondessem à enquete: VOCÊS PREFEREM QUE EU RESPONDA AOS COMENTÁRIOS PRO E-MAIL DE VOCÊS OU NO PRÓPRIO BLOG?

O blog é novidade pra mim também, então não sei o que a média das pessoas prefere.

Agradeço a colaboração de todos os amigos com este meu novo hobby.

Beijos carinhosos a todos!!!

P.S. - EXPLICAÇÃO DO HUMOR DO DIA: fico intrigada por quê são razoavelmente freqüentes esses tiroteios em escolas americanas...

 

Escrito por Patsi às 15h14
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

16/04/2007


Linking Monday

Olá, pessoal!

Vamos explicar o título: Linking Monday, porque a segunda-feira é aquele diazinho que liga o Domingo da gente ao resto da semana. E foi um domingão, outro dia eu conto, porque a segunda aqui tá de quinta! Fazer o quê? Por isso estou conformada.

Pro dia acabar feliz, inauguro hoje também alguns links para coisas que tenho apreciado.

Taí a Linking Monday colocando o primeiro dos cinco tijolinhos da ponte que liga um fim-de-semana ao outro!

Boa semana e até!!!

Escrito por Patsi às 15h51
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

13/04/2007


Alongada!!!

Hoje fiz uma aula experimental de Ashtanga Yoga.

Caraca, é MUITO bom!!!!! É bem puxada, dinâmica, com respiração intensa e relaxamento no final. Saí de lá me sentindo mais leve, mais esguia, com os ossos todos o lugar e com as costas e a coluna massageadas. Um espetáculo!

Como diriam os paulistanos, eu recomeinnnndo. Mas tem que ter disposição e alguma flexilbilidade.

A semana termina bem pro fim-de-semana começar melhor ainda.

Bom finde, galera!!!

Escrito por Patsi às 15h25
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

12/04/2007


ESTRELA SOLITÁRIA

ATENÇÃO: este texto não é uma crônica esportiva. Não acompanho futebol (só novela do Gilberto Braga). Não conheço nem os nomes, nem as posições em campo dos jogadores de nenhum time (nem do Botafogo, time para qual torço desde criancinha!). Mas quem não viu, já deve ter ouvido falar que o jogo de ontem no Maracanã foi um dos mais eletrizantes de sua história.

A expectativa com relação ao jogo era o famigerado Gol Mil do Romário. Mal se falava de Taça Rio. Mas o que se viu foram dois times aguerridos lutando pela classificação pra final. Muito melhor que muito jogo de Copa do Mundo! Surpreendentes sete gols logo no primeiro tempo e um de empate no final do segundo, pra terminar de ferver os ânimos já superaquecidos. E foi justamente aí que o Botafogo soube manter a calma e não perdeu nenhum pênalti, se classificando pra final.

Galvão Bueno se viu obrigado a ir invertendo seu discurso no decorrer da partida. No começo ele só falava da competência do Baixinho, forçando comparações com o Gol Mil do Pelé. Desprezando a boa campanha do Botafogo neste campeonato, só tinha bons olhos e palavras pro Vasco. Um nojo!!!!!!

Depois falou até o final que o Romário ficou a um fio de cabelo de emplacar o Gol Mil. Na verdade ele só iria cabecear um gol já feito pelo Jorge Luiz, jogador nunca dantes mencionado, a não ser na escalação e na descrição dos passes.

Esse lance mesmo é que foi começando a levantar o véu da idolatria midiática. O Vasco jogava pra ganhar a despeito de ter o Romário em campo, que só fazia número sem colaborar. Passamos a lembrar que o bom é ver gol, importa menos quem o faça. Que quem joga e ganha é o time, e não indivíduos isolados correndo atrás de uma bolinha.

Romário, em toda a sua carreira, deu a impressão que prescindia do resto do time para ser artilheiro. E enquanto ele continua a se comportar como estrela solitária, quem brilha são os outros!

Escrito por Patsi às 16h41
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

11/04/2007


Do céu à terra

Passados os efeitos do feriado no sítio, encarando a realidade e a correria do dia-a-dia, só podia ficar sem gás já em plena quarta-feira!

Mas se sobrevivemos à quarta, quinta é mole, porque é véspera de sexta com o ensaio do coral no fim do dia. E sexta não conta, porque já é o último dia da semana.

Então beleza, falta pouco !

Escrito por Patsi às 15h08
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]



Perfil



Meu perfil
BRASIL, Sudeste, RIO DE JANEIRO, LARANJEIRAS, Mulher, de 36 a 45 anos, Portuguese, English, Gastronomia, Viagens, Cultura e Entretenimento
MSN -

Histórico